Conforto e desempenho, a importância de manoplas e bar ends

Além da finalidade estética, as manoplas e bar ends adequados podem facilitar sua vida sobre a bike, seja contribuindo no desempenho ou tornando o pedal mais confortável. Se você está montando sua nova bicicleta ou em busca de acessórios para a que já possui, não negligencie a existência destes elementos tão simples quanto importantes e faça a escolha certa!

Dica pra bike: Bar Ends

Acopladas na extremidade do guidão (daí o nome ‘barra final’, em inglês) a finalidade do bar end pode ser resumida em dar mais liberdade e opções de movimentos para o ciclista. Com ele, não é preciso ficar sempre (como pedalar por horas) na mesma posição, reduzindo cansaço e formigamentos. Isso pode impactar em ganho de conforto ou de desempenho, dependendo do uso.

O bar-end é um aliado simples e barato na luta contra a fadiga. Reduz o cansaço em longos pedais e também facilita a pegada em trechos de aclive
O bar-end é um aliado simples e barato na luta contra a fadiga. Reduz o cansaço em longos pedais e também facilita a pegada em trechos de aclive

Em percursos longos, o bar end adequado vai proporcionar mais conforto, pois o ciclista pode intercalar posições dos braços e também pedalar apoiado no equipamento, reduzindo a fadiga em braços, punho e costas. Já para quem vai encarar aclives (ou sprints) o bar end proporciona uma pegada diferente ao guidão, com melhor posição da mão e punhos, contribuindo para um melhor desempenho.

A contraindicação, porém, é para aqueles que irão encarar trechos de mata fechada ou com outros objetos que possam enroscar no guidão – causando quedas. Também é legal procurar o tipo de bar end que melhor se encaixe no seu uso, pois há modelos mais ergonômicos, leves, emborrachados e até funcionais, como o modelo JD-886 da Tranz X que possui um kit de ferramentas integrado.

Manoplas

Manoplas anatômicas são indicadas para os pedais mais longos
Manoplas anatômicas são indicadas para os pedais mais longos

Pode parecer um componente simples… até o dia em que você sai do pedal com bolhas nas mãos. As manoplas são importantes itens de conforto e grip do ciclista com a bike e por isso o mercado disponibiliza uma gama relativamente variada de modelos, com especificações distintas.

As manoplas mais finas são indicadas para quem gosta de ‘sentir’ mais a bike, com uma pegada mais justa e firme. São recomendadas para o cross country e outras provas de curta duração. Já as mais grossas, geralmente revestidas por silicone ou borracha, têm uma pegada mais confortável, indicada para percursos longos.

O mercado oferece inúmeras opções de manoplas, com preços de R$ 10,00 a R$ 220,00. Saiba qual usar
O mercado oferece inúmeras opções de manoplas, com preços de R$ 10 a R$ 220. Saiba qual usar

Há, ainda, as anatômicas, com maior área de apoio para as mãos. Assim, elas reduzem a pressão do corpo sobre as mãos num único ponto, contribuindo para o conforto. São indicadas para pedais longos e até maratonas. As manoplas podem custar de R$ 10 a R$ 220.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *