Vale a pena comprar um UTV? O campeão Deni Nascimento responde!

Felizmente, na hora de nos divertirmos no off road, podemos contar com vários tipos de veículos, com características, usos e preços variados. Motos, quadriciclos, jipes, caminhonetes 4×4, jericos, gaiolas… e UTVs. Populares no mercado há poucos anos, eles entraram por último na lista, despertando curiosidade em todos que ainda não aceleraram um. Mas vale a pena comprar um UTV?

Quem responde a indagação é o bicampeão brasileiro de rali (em 2017 e 2018) Deni Nascimento. Antes que você diga que as posições do piloto serão tendenciosas, puxando a brasa para o assado dos UTVs, vale a pena lembrar que ele também é bicampeão nacional de rali na categoria motos e, inclusive, já disputou o Rally Dakar sobre duas rodas em 2012! Então vamos nessa!

O navegador Idali Bosse com Deni Nascimento - e vários troféus do Rally dos Sertões, também
O navegador Idali Bosse com Deni Nascimento – e vários troféus do Rally dos Sertões, também

Bônus – O que é um UTV?

Se você não conhece esses veículos pensados para diversão e adrenalina, tudo bem, não se sinta diminuído – até porque o assunto é tão recente que eles só ganharam uma categoria específica no Rally Dakar em 2017. Os ‘Utility Task Vehicle’ (veículo utilitário multitarefas, em tradução livre) tem vários usos e, em competições, se destacam por estar ‘no meio do caminho’ entre quadriciclos e carros.

Mais leve que os 4×4 convencionais (e relativamente mais baratos), seu ponto forte está na diversão proporcionada pela relação peso e potência – assegurada por motores de até 1.000 cm³ e com potência na casa dos 180 cavalos. Além disso, o porte pequeno, próximo ao solo e exposto (com poucas áreas cobertas por metal) aumentam a sensação de adrenalina – como acontece nos karts. No cockpit, duas ou quatro pessoas.

A chave aqui é versatilidade e diversão. UTVs são feitos para encararem qualquer terreno
A chave aqui é versatilidade e diversão. UTVs são feitos para encararem qualquer terreno

1 – Qual a vantagem de um UTV sobre uma caminhonete 4×4, por exemplo?

Para Deni, a principal certamente é o peso, afinal um UTV é muito mais leve do que qualquer outra coisa com tração nas quatro rodas preparada para fazer ralis. “E é, de fato, muito rápido. Um UTV original pode acelerar de 0 a 100 km/h em 4,8 segundos”, destaca.

2 – Tô na dúvida. Quando vale a pena comprar um UTV, um quadri ou um 4×4?

Segundo o campeão são veículos de tipos distintos, assim como seus usos. Mas os UTVs (como o nome sugere) são ‘multitarefas’. “Hoje temos UTV para vários terrenos e usos, como trilhas ou ralis. Quem quer apenas brincar na terra pode comprar um modelo menor, menos potente e mais estreito, que anda bem nas trilhas. Já quem quer competir num rali, por exemplo, também tem ótimas opções”, garante.

Mais de 170 cv e apenas 700 kg são garantia de diversão e desempenho para os UTVs
Mais de 170 cv e apenas 700 kg são garantia de diversão e desempenho para os UTVs

3 – Para quem anda de moto, por exemplo, há uma infinidade de eventos acontecendo todos os meses Brasil afora. E para quem tem um UTV é fácil achar diversão?

De acordo com Deni, opões não faltam – e a tendência é que o leque cresça gradativamente. “Por exemplo: a BRP (uma das principais fabricantes de UTVs presentes no Brasil) faz muitos passeios, até porque eles têm interesse em divulgar seus modelos e usos – terra, trilha, pedra, alta velocidade, etc. E muitos desses encontros reúnem mais de 50 veículos”, afirmou. “Então, quem está pensando em comprar um UTV pode ficar tranquilo, porque vai ter sim locais para se divertir”.

4 – O preço faz os UTVs top de linha serem apenas sonho para a maioria dos amantes do off road, mas há opções mais em conta?

Para Deni, sim. “Hoje há muitas opções para quem quer entrar nesse mundo. A BRP, por exemplo, tem o Trail 800, Trail 1.000 e o Maverick X3 em três tamanhos de largura para trilha. Um veículo desses novo pode custar cerca de R$ 50 mil novo ou até menos de R$ 40 mil usado”, argumentou o campeão. E sim, Deni é piloto oficial da BRP Can Am – então por isso ele prefere exemplificar as categorias sempre com veículos da marca 😉.

Nem tudo é competição. Quem busca um UTV para trilhas tem opções específicas, como o Maverick Trail
Nem tudo é competição. Quem busca um UTV para trilhas tem opções específicas, como o Maverick Trail

5 – Para finalizar: o que só um UTV pode proporcionar?

“Adrenalina e segurança ao mesmo tempo”, disse categoricamente. “Só o UTV tem toda a aventura do mundo off road – e quem andou de moto sabe o que é rodar ‘adrenado’, porém com toda a segurança. Por isso a categoria tem cada vez mais adeptos. Gente saindo dos quadris e migrando para os UTVs, ou até descendo dos carros. A sensação de vento no rosto proporcionada pela categoria e a adrenalina não deixam nada a desejar diante de um quadri ou moto, por exemplo”, finalizou.

Quer saber onde tem trilha de UTV?

Talvez tenha em Santa Catarina, São Paulo ou Bahia – mas, com certeza elas estão na Agenda Off Road – o maior portal de eventos off road do Brasil! Acompanhe os principais eventos fora de estrada que acontecem no país no calendário, clicando aqui, e prepare-se para a diversão!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *